Você também está ansiosa para ver Cruella? O filme chega nos cinemas no próximo dia 28, e, vale lembrar, que ele também estará no Disney+, através, do serviço Premier Access por uma taxa adicional, viu? Clique aqui para assinar o Disney+.

Neste sábado (15/5), rolou uma coletiva de imprensa mundial com as protagonistas do filme Emma Stone (Estella/Cruella) e Emma Thompson (Baronesa), e a CH esteve presente. As atrizes contaram um pouquinho sobre como foi o processo de interpretar duas vilãs tão icônicas.

Não tem nada mais divertido do que fingir ser má, eu achei isso incrivelmente fácil. Eu sempre fui rodeada de pessoas gentis na minha família, e a única experiência que eu tive com pessoas sendo más foi no trabalho, então, acredito, que a Baronesa é mais uma mistura de várias pessoas. Para a Baronesa ninguém mais pode fazer sucesso a não ser ela. Apesar de parecer ser muito forte, na verdade ela é fraca. Ela não consegue reconhecer o talento de ninguém, até encontrar Cruella que não apenas é supertalentosa como é mais talentosa do que ela”, comentou Thompson sobre sua personagem.

Emma Thompson como BaronesaDisney/Reprodução

Para Emma Stone interpretar Cruella foi libertador, a atriz comentou que em todos os personagens que ela já viveu precisou “se segurar” um pouquinho, mas com Cruella não tinha limites.

Quando questionada sobre o que poderia ser a maior fraqueza da personagem, ela refletiu sobre o fato de Cruella não conseguir se segurar e sempre ser reativa com tudo que acontece com ela, ser uma de suas maiores fraquezas, mas que no decorrer da história a gente percebe que essa impulsividade acaba se tornando sua maior força: “A fraqueza da Cruella é como ela é impulsiva com as coisas. Mas, a sua maior fraqueza acaba se tornando sua força. Ela é muito criativa e está trabalhando para aceitar sua verdadeira natureza.”

Sobre o seu maior desafio na hora de viver a personagem, a intérprete de Cruella disse que fazer as cenas que eram mais emocionantes foram a sua maior dificuldade: “Eu acho que toda vez que um personagem tem uma cena muito importante que você sabe que é importante, você sente muita pressão de fazer ela dar certo, por mais cansado que você esteja ela precisa funcionar. Esse foi um dos meus maiores desafios, mas, também, é por isso que eu amo atuar.”

Continua após a publicidade

Stone também revelou ser fã da animação 101 Dálmatas e que ficou muito feliz com o convite para viver a personagem nos cinemas: “Meu Deus, eu realmente vou interpretar a Cruella!“, pensou na época. “Fiquei bem surpresa com o resultado. Cruella é o filme mais sombrio já feito pela Disney, comentou a atriz empolgada.

A protagonista aproveitou para explicar que a Cruella desta versão é um pouquinho diferente da que estamos acostumadas “Seis anos atrás, eu recebi o convite e começamos a pensar em como construí-la, e, isso, demorou em torno de 4 anos. Eu pensei que talvez não chegaríamos a fazer o filme. Foi difícil encontrar um jeito de contar a história dela. A gente resolveu criar uma nova narrativa, então ela não é exatamente a Cruella da animação”, disse Emma Stone.

Emma Stone no filme CruellaDisney/Reprodução

O filme conta com visuais icônicos e Nadia Stacey, encarregada pela maquiagem e cabelo do longa, revelou que em uma das cenas foram usadas 120 perucas, dá para acreditar? Já a figurinista do filme, Jenny Beavan, comentou não ter se inspirado em ninguém especificamente na hora de montar os figurinos da Cruella e que toda a inspiração veio do roteiro e dos caminhos que a personagem seguia.

Outro ponto interessante sobre a produção de Cruella é que o filme usou CGI nos cachorros, sabia? O resto das cenas foram todas feitas de verdade: “Os que estavam no set eram fofos, mas os de CGI eram malvados”, brincou Emma Thompson.

A CH já assistiu ao filme e podemos garantir que você vai amar! Prepare-se para roupas incríveis, uma trilha sonora icônica e uma Cruella jamais vista <3

Continua após a publicidade